segunda-feira, 25 de março de 2013

Como fazer para organizar o guarda roupa das crianças






Tenho duas crianças pequenas e um dos problemas com que me deparo regularmente é que a roupa deixa de lhes servir muito rapidamente.
Assim que a estação muda, já sei que há roupa que não lhes serve e que tenho que comprar uma série de coisas rapidamente.

Como fazer para organizar o guarda roupa das crianças:

1.      O melhor é começar por inventariar tudo o que está no roupeiro
2.      Separa todas as peças por categorias – Saias, calças, pijamas, sapatos, tenis…etc.  Colocar de parte os tamanhos que já não servem

Dicas para Poupar:
Por cada peça de roupa ou sapatos que entram, outro terá que sair


A partir daqui já sabes o que é necessário comprar – faz uma lista do que precisas e não saias de casa sem ela.

3.      Usa cabides todos iguais, se a roupa é pequena o melhor é usares cabides pequenos

Dicas para poupar:
Pede cabides nas lojas, há algumas em que os deitam fora,  na H&M os cabides brancos da secção de criança são bastante resistentes, se pedires eles dão.

4.      No roupeiro separa as roupas por categorias
5.      Se guardares alguma coisa em caixas, coloca etiquetas
6.      Nas gavetas coloca divisórias, assim é mais fácil manter tudo no seu lugar
7.      Utiliza caixas plásticas transparentes para colocar as roupas sazonais.

domingo, 24 de março de 2013

Delícia de morangos






Esta é uma das sobremesas mais requisitadas cá em casa. Muito simples e saborosa.




Ingredientes:

Morangos
Açúcar
Natas ou ricotta
Limão (sumo)
Chocolate de culinária (70% cacau é o meu preferido)
Amêndoa moída

Preparação:

Reduzir os morangos a puré com a varinha mágica
Juntar um pouco de sumo de limão (1 colher de chá por cada 500 gr de morangos)
Reservar

Bater as natas juntar um pouco de açúcar (a gosto)e sumo de limão( a gosto) para fazer chantily
Ou
Misturar o ricotta com açúcar e limão – a gosto

Derreter um pouco de chocolate (pode ser no micro-ondas), misturar bem com uma colher. Quanto mais mexer mais brilhante fica.

Compor em taças individuais:

Colocar um pouco do chantilly ou ricota no fundo da taça (mais ou menos uma colher de sobremesa)
Cobrir com um pouco de chocolate derretido (mais ou menos uma colher de chá)
Juntar o puré de morango
Em cima colocar mais uma colher de chantilly ou ricotta
Mais um pouco de chocolate derretido
Polvilhar com a amêndoa picada

Colocar no frigorífico até servir

É uma delícia, fresquinho e o chocolate fica muito crocante. É muito simples e faz sempre sucesso.

terça-feira, 19 de março de 2013

10 Dicas para um Home Office eficiente, bonito e barato

Os escritórios domésticos normalmente são negligenciados quando se trata de decoração, mas não é preciso muito para refrescar a decoração, mas ao fazê-lo as recompensas são grandes.


1.       Define as tuas prioridades
  •  Quem utiliza o espaço? Os teus filhos vão usar este espaço para jogar? O espaço vai ser partilhado?
  • Vais passar muito tempo neste espaço? Se não for muito podes por exemplo comprar uma cadeira menos dispendiosa.
  •   Tens um negócio a partir de casa?
  • Qual é o teu orçamento? O que podes gastar agora e o no futuro?


Dica orçamento baixo: Usar as pequenas prateleiras de especiarias do Ikea como as da imagem. Se as pintares da cor da parede ficam com um aspecto ‘’built-in’’.




 



2.       Limpar
  •   É muito importante iniciar qualquer projeto de design com o espaço limpo, removendo a desordem,  fazendo uma seleção pepelada, etc.

Dica orçamento baixo: Pinta as paredes de uma cor rica e sofisticada, a cor pode fazer o teu escritório ter um aspeto luxuoso sem gastares muito dinheiro. Assim sendo, reserva uma parte do teu orçamento para a pintura – não te vais arrepender.



3.       Decidir o que fica, o que se altera e o que sai
  •   Observa bem a configuração do espaço que pretende dedicar ao teu escritório, desta forma consegues decidir o que fica ou sai. Manter certas peças de mobiliário e renová-los é uma das armas dos decoradores. Atualizar um móvel com uma nova pintura ou com ornamentos é fácil.

Dica orçamento baixo: Atualiza uma mesa simples com aplicações de bronze nos cantos e puxadores de fantasia. Vende-se em qualquer loja de ferragens.



4.       Faz um orçamento
  •   Antes de gastares um cêntimo lista tudo o que precisas. Estima o custo de tudo o que vais precisar, assim não terás surpresas no final. Se listares tudo o que pretendes com o respetivo custo, ficas a saber exatamente com o que contas.
--> Começa já a economizar de forma a poderes ter a peça que mais desejas
--> Verifica os custos em diferentes locais
--> Deves ser criativa e aproveitar peças que já tens em casa

Dica orçamento baixo: Podes cobrir o tampo da secretária velha com papel autocolante colorido ou com um padrão que gostes.



5.       O essencial em primeiro lugar
  •   Boa iluminação, uma boa superfície de trabalho, uma cadeira confortável e cortinas para as janelas para bloquear o brilho são indispensáveis. O melhor é tratares desses assuntos em primeiro lugar.

Dica  orçamento baixo: Usa cabides de madeira para organizares o teu espaço. Se colocares cortinas básicas e com um estore de palhinha por trás consegues um espaço mais completo de um modo bastante acessível.




6.       Saber quando economizar e quando esbanjar
  •  Podes ficar dentro do orçamento e ainda assim desfrutar de alguns luxos. Podes personalizar peças básicas, como prateleiras do IKEA, pintando ou forrando com tecido ou papel autocolante o fundo das prateleiras.
-->  Economiza em: estantes, mesas, tapetes, iluminação, cortinas
-->  Esbanja em: Cadeira, computador e equipamentos, arte
 



7.       Listar antes de comprar
  •  ‘’Destralhar’’ o teu escritório antes de comprares um monte de acessórios dedicados a organizar, vai poupar o teu dinheiro.. Quando quizeres um monte de caixas e cestos para organizar o teu espaço, não vás às compras, primeiro verifica o que tens em casa e podes aproveitar.

8.       Espaço de trabalho para dois
  • Juntando secretárias e cadeiras consegue-se um espaço de trabalho partilhado mas muito mais tranquilo, pois cada um usufrui do seu epaço. As secretárias podem ser colocadas lado a lado, em frente uma da outra ou até em paredes opostas. O melhor é experimentar para ver como se sentem melhor neste espaço partilhado.

Dica orçamento baixo: Peças básicas e simples ficam mais enaltecidas em arranjos simétricos. Coloca uma estante básica em cada um dos lados da janela. Três comodas de linha simples, lado a lado, com um par de candeeiros em cima.


9.       Se tens o teu próprio negócio e trabalhas a partir de casa
  •   Tens que encontrar o equilíbrio entre um espaço que reflita a tua imagem profissional e um orçamento limitado para o decorar  (não vais querer endividar-te para poderes decorar o teu escritório). Esta situação é particularmente importante se reunires com clientes nesse espaço.

Dica orçamento baixo: Escolhe uma palete de cores que em conjunto reflita profissionalismo, é fácil de conseguir com um orçamento limitado. Escolhe no máximo três cores e uma delas deve ser neutra, para uma combinação mais segura.


10.       Orçamento para plantas
  •   O espaço fica mais rico e interessante com uma planta ou duas e até ajudam a limpar o ar. Reserva um pouco do teu orçamento para uma visita à florista.


 Texto e imagens retiradas de Houzz.com

 

quarta-feira, 13 de março de 2013

15 dicas para aparentar menos 15 anos – sem cirurgia

Um pouco de maquilhagem, um corte de cabelo adequado e mais alguns truques fazem maravilhas na hora de enganar o calendário, sem necessidade de injeções ou bisturis.

1.      Diz não às maquilhagens escuras
§  Tentar dar cor ao rosto com uma base mais escura que o tom natural da pele dá mau resultado, ainda pior quantos mais anos tens, pois a pele vai perdendo luminosidade. Uma base mais clara ilumina e é mais natural.

2.      O segredo da franja
§  Não falo da franja cortada à altura das sobrancelhas, mas sim, de uma franja criada com base em camadas longas que permitam emoldurar o rosto com suavidade. É uma excelente forma de esconder algumas rugas da testa e do contorno dos olhos, dissimulando os primeiros sinais de flacidez.

3.      Cores puras…Cuidado!
§  Evita a maquilhagem com tons demasiado fortes. Uns lábios demasiado vermelhos, muito mate, muito pigmentados, só são permitidos em rostos jovens, assim como o eyeliner muito escuro. Podes usar estas cores, mas tens que tomar atenção à intensidade com que as aplicas. Um toque vermelho nos lábios sobre um tom nude é mais subtil e favorecedor que um rosa forte. Delinear os olhos em castanho profundo, cinza ou verde escuro favorece mais o olhar depois dos quarenta.

4.      Sobrancelhas, as grandes esquecidas
§  Definidas, penteadas e presentes: assim são as sobrancelhas anti idade. Com o passar dos anos, as sobrancelhas tornam-se mais claras e escassas, preenchê-las com um lápis de sobrancelhas ou com um pouco de sombra tem um efeito lifting no olhar muito notório e fácil.

5.      Definição, palavra mágica
§  Como passar dos anos o rosto perde cor. Os olhos, os lábios, a tez… perdem intensidade de pigmentação, ficando mais claros, pálidos. Um suave toque de maquilhagem refresca imediatamente o rosto:  uma leve cor nos lábios, um toque de rimmel e, o quase obrigatório, blush, são fundamentais na hora de criar o efeito ‘’boa cara’’.

6.      Adeus ao glitter
§  Purpurinas e outros efeitos de brilho extremo…é melhor esquecer… Colam-se às rugas e realçam-nas. Nos olhos e lábios o melhor é optar por texturas efeito acetinado.

7.      Uma tez juicy
§  Uma pele fresca pede maquilhagem acetinada e cremosa: para dissimular o passar do tempo é preferível evitar as texturas mate e optar por formulas mais mimosas, que forneçam hidratação e luminosidade à pele.

8.      O milagre do rosa
§  Um pouco de cor nas maças do rosto… lábios com um delicado tom rosa… não há cor que rejuvenesça mais que o rosa aplicado com moderação nos pómulos e boca.

9.      O encanto dos cremes com cor
§  São a solução perfeita para mulheres que querem ter boa cara sem usar base. Os cremes com cor cumprem a dupla função de hidratar e dar um bom tom com uma textura cremosa que favorece as peles mais maduras. São famosos os novos cremes BB, mas muitos deles são demasiados mate para as peles que necessitam de luz.

10.  Unhas discretas e mais jovens
§  A idade também deixa marcas nas unhas, ficam mais grossas e estriadas. Para esconder, nada melhor que uma manicura em tons nude, beije com reflexos pêssego ou rosa. Se quiseres manter as unhas ao natural, deves usar um polidor para alisar a superfície.

11.  O comprido perfeito
§  Não ao cabelo XXL e muito cuidado com os curtos. A partir de uma certa idade nada melhor que um corte de cabelo médio. Desde o queixo até ligeiramente abaixo dos ombros: nestes limites está o corte mais favorecedor.

12.  Pestanas? Só as superiores
§  Para abrir o olhar, não há melhor aliado que o revira pestanas e duas camadas de mascara, mas…aplicada apenas nas pestanas superiores! Se queres dissimular olheiras e rugas o melhor é não mexer nas pestanas inferiores.

13.  Não ao liso tabua
§  Um pouco de volume, algum movimento. A quantidade e qualidade de cabelo diminui com os anos, dar mais corpo ao cabelo tem um efeito rejuvenescedor imediato.

14.  Dentes mais brancos
§  Mais amarelos e irregulares, assim se tornam os dentes com a idade. Uma limpeza dental, branqueamento e alinhamento asseguram um sorriso e expressão facial mais jovem.

15.  Sorri
§  O truque mais simples e eficaz – e barato – para tirar idade é, simplesmente, sorrir. Nada transmite mais frescura que uma expressão feliz.

Texto retirado da revista Hola

domingo, 10 de março de 2013

Tarte de Maçã Merengada



 TARTE DE MAÇÃ MERENGADA 
 


Hoje fizemos cá em casa a famosa receita de Tarte de Maçã Merengada da minha cunhada Ana Patrícia. É muito fácil e o resultado é maravilhoso.


Massa
200 gr de farinha
100 gr de açúcar
75 gr de margarina amolecida
1 ovo grande ou dois pequenos

Juntar todos os ingredientes da massa e levar ao forno numa forma tarteira. Quando a massa estiver cozida retirar do forno.

Recheio
3 maçãs médias cozidas – esmagar e juntar açúcar a gosto. Se as maçãs forem doces juntar muito pouco.

Merengue
3 claras
Açúcar a gosto
Sumo de limão a gosto

Bater as claras em castelo até terem uma consistência bem firme. Juntar açúcar e sumo de limão a gosto, continuar a bater.


Preparação
Colocar o recheio em cima da massa. Cobrir o recheio com o merengue. Levar ao forno novamente, mais ou menos a 170 graus, até que o meregue esteja dourado.

As fotos que apresento são as da tarte que fiz esta tarde.

Como desenhar uma ilha para a cozinha



  




A cozinha é um dos espaços da casa mais difíceis de projetar. Criar uma ilha pode ser ainda mais difícil. Não há uma formula que defina qual o tamanho ideal de uma ilha, para que o erro seja menor deves fazer 6 perguntas para planear uma ilha na cozinha.








§  Qual a função da ilha?
Antes de pensares em soluções de arrumação inteligentes e que espaço disponível tens, o melhor é definir qual a será a função principal que a ilha irá ter. Grande parte das ilhas tem um dos lados dedicados à cozinha e o outro a espaço de refeição. Mas qual a função que terá em tua casa? Preparação de alimentos, cozinhar, comer, entretenimento…
Atenção: Se quiseres um lava-loiças na tua ilha, vais precisar de mais espaço, se a função for apenas como apoio a algumas refeições os assentos serão a prioridade.

§  Que eletrodomésticos vais precisar na tua ilha?
Se decidiste que vais integrar eletrodomésticos na tua ilha da cozinha, o melhor é planeares já a sua função assim como o espaço necessário. Se o lava loiças vai ficar na ilha, a máquina de lavar loiça também deverá ficar, tens que decidir se à direita ou esquerda. Se a ilha está destinada à preparação de alimentos deves colocar aí também o lixo e reciclagem. Se vais instalar uma placa ou fogão, não te podes esquecer da exaustão dos fumos e vapores. Faz uma lista de  tudo o que pretendes ter na ilha, por ordem de prioridades. Podes não conseguir colocar tudo o que pretendes, no entanto desta forma vais conseguir colocar pelos menos os cinco pontos principais.

§  Que espaço de arrumação precisas?
Depende da cozinha que tens. Se tens muitos armários na cozinha, o espaço dedicado a arrumação na ilha pode não ser uma prioridade. No entanto, há dedicar espaço à arrumação de alguns objetos, se a função da ilha é a preparação de alimentos, convém ter espaço para alguns utensílios de preparação  como por exemplo  as tábuas de corte.

§  Que altura deve ter?
Para determinar a altura é necessário ter em conta a função da ilha. É apenas um apoio à preparação de alimentos, ou também terá uma área dedicada a refeições? Se tiver uma área de refeições vais usar bancos altos tipo bar? Se for uma ilha mista, preparação e refeições, convém separares as áreas. A área de preparação mais baixa e a de refeição mais alta, se usares bancos altos. O mais comum é deixar-se uma altura de cerca de 12 cm entre as diferentes áreas.

§  Coma vai a ilha encaixar-se na sua cozinha?
As cozinhas não são estáticas. Cada parte da tua cozinha deve ser pensada para que no final tudo se encaixe de forma coesa. Certifica-te que a parte dedicada ao trabalho funciona em harmonia com a bancada de cozinha que vai ficar mais próxima. Com esta ilha é possível completar o tão eficaz triangulo de trabalho – lava loiça – fogão – frigorifico?

§  Vais precisar de um designer?
Depende das ilhas. Mas uma ilha pode ter um grau de complexidade grande, principalmente se for uma área de trabalho e arrumação. Um designer ou arquiteto pode ajudar a tornar a tua ideia numa ilha que funcione.

Fonte: Houzz.com 

terça-feira, 5 de março de 2013

Fofo de Bacalhau


Esta receita foi retirada do site anamariabraga.globo.com, é muito fácil de fazer e é uma delícia



INGREDIENTES
1 chávena (chá) de leite
3 ovos
3 fatias de pão de forma
50 g de queijo parmesão ralado (facultativo)
50 g de cenoura picada
sal a gosto
200 g de bacalhau demolhado,  refogado
½ colher (sopa) de fermento em pó


PREPARAÇÃO
Coloque em um liquidificador o leite, os ovos, as fatias de pão de forma, o queijo parmesão ralado, a cenoura picada, sal a gosto e bata bem até formar uma mistura homogenea.
Coloque a mistura para uma tigela, adicione o bacalhau demolhado, dessalgado e refogado, o fermento em pó e misture.
Numa assadeira untada coloque o preparado e leve ao forno médio pré-aquecido a 180°C  aproximadamente 40 minutos ou até dourar. Retire do forno e sirva em seguida.

Pode acompanhar com uma boa salada verde.

COMO LIMPAR O SOFÁ

   O sofá devido ao uso, facilmente fica com zonas sujas e com mau aspeto, mas podes limpá-lo facilmente sem recorrer a serviços profissio...